“E impelido pela minha ávida vontade, imaginando poder contemplar a grande abundância de formas várias e estranhas criadas pela artificiosa natureza, enredado pelos sombrios rochedos cheguei à entrada de uma grande caverna, diante da qual permaneci tão estupefato quanto ignorante dessas coisas. Com as costas curvadas em arco, a mão cansada e firme sobre o joelho, procurei, com a mão direita, fazer sombra aos olhos comprimidos, curvando-me cá e lá, para ver se conseguia discernir alguma coisa lá dentro, o que me era impedido pela grande escuridão ali reinante. Assim permanecendo, subitamente brotaram em mim duas coisas: medo e desejo; medo da ameaçadora e escura caverna, desejo de poder contemplar lá dentro algo que fosse miraculoso"

Leonardo Da Vinci

quarta-feira, 1 de abril de 2015

Defesa de dissertação de mestrado na FAUUSP: Atuação da arquitetura no uso público de cavernas



Apresentei no dia 24.02.2015 a dissertação de mestrado em Projeto de Arquitetura: Atuação da arquitetura no uso público de cavernas. Conceitos, métodos e estratégias para ocupação. Caverna do Diabo, SP.


A defesa ocorreu na Faculdade de Arquitetura e Urbanismo da Universidade de São Paulo e contou com a banca examinadora composta pela orientadora arquiteta Anália Amorim (FAUUSP), pelo geólogo Paulo Boggiani (IGc-USP) e pela arquiteta Helena Ayoub (FAUUSP).
A pesquisa une as minhas trajetórias na espeleologia e na arquitetura e busca contribuir com a discussão do uso público de cavernas com a sua conservação. 

O estudo propõe o desenvolvimento de uma base conceitual e metodológica para subsidiar estratégias para atuação da arquitetura no uso público de cavernas, baseado na pesquisa em projeto de arquitetura e tendo como estudo de caso a Caverna do Diabo e São Paulo.
A dissertação pode ser acessada nos links abaixo.

https://drive.google.com/file/d/0B-lrq1MYDLiEYThzRzFuSU15MmM/view?usp=sharing

Nenhum comentário: